home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

31/05/2016

Plataforma on-line capacita profissionais para a Rio 2016

Curso gratuito pode ser feito a partir de smartphones, tablets e computadores. São esperadas até 9 mil inscrições para o treinamento

As inscrições para a qualificação e aperfeiçoamento de donos de barracas de praia, ambulantes, recepcionistas de hostels/albergues e guardas municipais do Rio de Janeiro, com foco nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, estão abertas. Os profissionais podem se inscrever por meio da plataforma on-line Braços Abertos, do Ministério do Turismo (MTur) em parceria com a RioTur.

“A capacitação desses profissionais reflete diretamente na melhoria do serviço prestado e consequentemente no aumento da competitividade do destino. Essa é ação de extrema importância para a cidade se preparar para os milhares de turistas que visitarão o Rio de Janeiro durante a Olimpíada”, afirmou o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves.

Os interessados já podem se cadastrar e acessar a plataforma com uso de smartphone, tablet ou computador por meio do endereço eletrônico http://bracosabertos.turismo.gov.br/. São esperadas até 9 mil inscrições para o treinamento. Para participar, os candidatos devem ter, pelo menos, 18 anos, ter cursado até o 6º ano do ensino fundamental e estar trabalhando em locais onde tenham contato direto com o turista no Rio de Janeiro.

O curso, gratuito, é dividido em módulos e tem conteúdo lúdico, com uso de jogos para facilitar o aprendizado. Para atender usuários que não disponham dos aparelhos eletrônicos, foram montadas duas centrais de apoio, uma na Zona Sul e outra na Zona Oeste (Barra da Tijuca), com equipamentos que dão acesso à internet. Também foram criados nove pontos de internet Wi-Fi para pessoas que têm os aparelhos, porém, sem pacote de dados.

Os projetos pedagógicos dos cursos foram elaborados pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (IFRJ). Já o desenvolvimento dos recursos tecnológicos para a formatação do curso a distância, incluindo plataforma, vídeos e jogos, foi feito pela PUC-Rio. A plataforma tecnológica dos cursos em educação a distância, de propriedade do MTur, poderá ser usada pela pasta para replicar o curso em outros municípios.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Turismo



NOTÍCIAS RELACIONADAS
16/10/2017
Portugal: 185 foram com vistos top em 2017
16/10/2017
Mercado imobiliário do Porto em franca expansão
16/10/2017
Web Summit. A máquina que transforma os negócios das startups
16/10/2017
Parque automóvel híbrido e elétrico português pode chegar aos 40 por cento em 2020
16/10/2017
Exportação aumenta a bom ritmo mas falta mão-de-obra
16/10/2017
Comissão Europeia adota iniciativa para impulsionar estágios na Europa