home > notícias

ASSOCIADOS

13/06/2016

EDP lança EDP Open Innovation

Prêmio global para startups destinará ‎€50 mil e apresentação dos finalistas no Web Summit, o maior e mais importante evento do setor na Europa

A EDP Brasil, empresa que atua nas áreas de geração, distribuição, comercialização e soluções de energia, anuncia o lançamento oficial do prêmio EDP Open Innovation, a maior competição mundial de inovação no setor energético. O concurso destinado a startups com ideias criativas que poderão ser implementadas no mercado global a fim de definir novas fronteiras do setor elétrico.
 
A iniciativa nasce da fusão dos prêmios EDP Inovação e Energia de Portugal que incentivavam o empreendedorismo na área da energia. O programa é realizado em parceria com o jornal português Expresso e a aceleradora Fábrica de Startups.
 
“O prêmio tem como objetivo estimular o surgimento de negócios inovadores e disruptivos, para nos anteciparmos à transformação do setor elétrico e contribuir para o desenvolvimento do setor de energia cada vez mais eficiente e sustentável”, afirma João Brito Martins, diretor de Estratégia, Organização e Inovação da EDP Brasil. 
 
Os interessados, de qualquer parte do mundo, devem submeter seus projetos com potencial para alcançar mercados em escala global. Para a primeira edição do concurso, os assuntos abordados são relacionados a energia limpa e tendências recentes do setor. A competição abrange os seguintes temas: eficiência energética; mobilidade elétrica; internet das coisas; M2M (Máquina a Máquina); aprendizado de máquina; tecnologia da informação; produção eólica, solar, elétrica offshore, ou demais formas de energia; armazenamento e distribuição de energia; e gás natural.
 
As equipes deverão ser formadas por 2 a 4 integrantes e já podem se inscrever por meio do site http://edpopeninnovation.edp.pt. O prazo para participar do concurso é até 31 de agosto.
 
Etapas do concurso e premiação
Concluída a fase de inscrições, até 30 grupos serão selecionados para entrevistas conduzidas por um júri internacional. Nessa fase, os competidores terão a oportunidade de detalhar o modelo de negócio e persuadir os jurados a apostarem em seus projetos.
 
A partir dessas conversas, serão escolhidas 15 equipes que serão beneficiadas pelo programa de aceleração de startups em Lisboa, durante todo o mês de outubro. Os custos de viagem e hospedagem em Portugal serão de responsabilidade da organização da EDP, limitados a dois integrantes por grupo. 
 
Nesse momento as equipes trabalharão na Fábrica de Startups para acelerarem os seus projetos e terão contato com o método FabStart, que permite simular o produto no mundo real. Essa é uma oportunidade única para compartilhar experiências e aprimorar os trabalhos, ao mesmo tempo em que os times contarão com o auxílio de sessões periódicas de mentoria com profissionais renomados das áreas de interesse.
 
Os três grupos com o melhor desempenho ao longo de toda a competição, segundo critérios estabelecidos pelo comitê organizador do EDP Open Innovation, farão uma exposição no stand da EDP no Web Summit, o maior e mais importante evento de startups em tecnologia da Europa. A equipe vencedora será premiada no valor de ‎€ 50 mil, montante a ser utilizado exclusivamente no desenvolvimento da ideia.
 
Os premiados serão anunciados em novembro, após todos os integrantes do programa de aceleração apresentarem, em Lisboa, o pitch a uma plateia composta por colaboradores da EDP, investidores e convidados.
 
Os participantes com projetos de elevado potencial também serão convidados a integrar o programa EDP Starter em Portugal, Espanha ou Brasil.
 
O regulamento e mais informações sobre o prêmio estão disponíveis no site:http://edpopeninnovation.edp.pt/

Fonte: Assessoria



NOTÍCIAS RELACIONADAS
22/08/2017
A inteligência artificial e o seu emprego [McKinsey & Company]
22/08/2017
EDP procura ideias para festival próprio [EDP]
21/08/2017
Descubra quais são os livros que CEOS de sucesso estão lendo [McKinsey & Company]
21/08/2017
InterCement realiza Dia do Bem-Fazer em 16 cidades brasileiras [InterCement]
21/08/2017
O Algarve tem um novo terraço para ver o mar [Tivoli]
21/08/2017
Ataques cibernéticos preocupam empresas brasileiras [EY do Brasil]