home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

27/10/2016

1º 'Innovation Sessions' – Energia e Aeronáutica

A AICEP, em colaboração com a Confederação Empresarial de Portugal, a Agência Nacional de Inovação e a Eupportunity organizam a primeira Innovation Session, dia 21 de novembro em Bruxelas. Trata-se de uma Missão empresarial a Bruxelas para promover setores nacionais.

Com a participação do Comissário da União Europeia para a Investigação, Ciência e Inovação, Carlos Moedas, a primeira sessão foca os temas Energia para o Desenvolvimento Sustentável e Aeronáutica como Driver de Inovação.  

No evento, que junta stakeholders europeus – empresas e Universidades - dos setores Energia e Aeronáutica, Comissão Europeia e Associações Setoriais, são apresentadas e discutidas políticas, agendas estratégicas e tendências tecnológicas e de inovação.

Adicionalmente as sessões setoriais das 16h30 serão dedicadas à apresentação de todos os inscritos no evento, Empresas/Universidades/plataformas tecnológicas de diferentes Estados Membros da União Europeia, uma oportunidade para os participantes portugueses se promoverem perante a Comissão Europeia e potenciais parceiros europeus.

Trata-se de uma oportunidade para receber informações atuais dos oradores da Comissão Europeia, promover a sua empresa ou instituição e reforçar o networking europeu, potenciador de negócios para aproveitar os fundos europeus disponíveis nestes setores.

Poderá participar neste evento vindo num voo de manhã e partindo no último voo da noite.

Para consultar a agenda e proceder ao registo clique  aqui.

Fonte: Portugal Global



NOTÍCIAS RELACIONADAS
18/08/2017
Empresas portuguesas são as que pagam mais tarde
18/08/2017
Web Summit quer encontrar os projetos de sustentabilidade mais inovadores [Portugal]
17/08/2017
Marcelo promulga alargamento dos "vistos gold" mas alerta para "risco"
17/08/2017
Lisboa regista maior crescimento de rendas de comércio de rua na Europa
17/08/2017
“O Brasil é o principal destino da pera rocha portuguesa”
17/08/2017
Portugal com 37 fusões e aquisições em julho. Somam-se 12 mil milhões de euros este ano