home > notícias

MUNDO

05/01/2017

Nenhum estrangeiro vendeu mais discos em Portugal do que Ana Moura e António Zambujo

Os dois músicos portugueses dividem o top 3 dos discos mais vendidos nas lojas da FNAC em Portugal ao longo de 2016.

O ano 2016 lamentou o falecimento de grandes estrelas internacionais do mundo da música, como David Bowie, Prince, Leonard Cohen e George Michael, o que costuma levar a um aumento das vendas de discos desses artistas recentemente malogrados. Mesmo assim, os músicos nacionais dominaram o top dos discos mais vendidos nas lojas da FNAC em Portugal durante o ano passado, com Ana Moura e António Zambujo à cabeça.

“Moura”, o sexto disco de originais da fadista portuguesa, foi o campeão de vendas, com mais de 45 mil cópias vendidas nas lojas FNAC. O disco lançado em novembro de 2015, que inclui canções como “Dia de Folga” e “O meu amor foi para o Brasil”, já é tripla platina, contrariando a tão propalada crise da indústria discográfica.

O segundo e terceiro lugares do pódio pertencem a “Até Pensei que Fosse Minha” e “Rua da Emenda”, ambos do cantautor António Zambujo. O primeiro foi lançado este ano, com o alentejano a interpretar canções do brasileiro Chico Buarque. “Rua da Emenda” é um disco de originais que faz sucesso desde o final de 2014, com canções tão populares entre os portugueses como “Pica do 7” e “Flinstones”.

Fonte: http://www.revistaport.com/noticia.php?categoria=3&id=718&titulo=Nenhum%20estrangeiro%20vendeu%20mais%20discos%20em%20Portugal%20do%20que%20Ana%20Moura%20e%20Ant%C3%B3nio%20Zambujo



NOTÍCIAS RELACIONADAS
21/08/2017
O Brasil descobriu que há uma praia em Portugal onde a água é sempre quente
21/08/2017
Dinossauros tomam de assalto as ruas de uma vila portuguesa
21/08/2017
Médicos brasileiros usam tecnologia 3D para substituir membros amputados
21/08/2017
Em Portugal, Paula Fernandes faz show para 30 mil pessoas e se emociona
21/08/2017
Circuito de Teatro em Português reúne espetáculos do Brasil, Portugal e Moçambique
21/08/2017
Circuito de Teatro em Português reúne espetáculos do Brasil, Portugal e Moçambique