home > notícias

MUNDO

06/03/2017

Portugal, destino de filmes. Há 3 produções de Bollywood a chegar

Governo quer aproveitar filmes indianos para mostrar Portugal e captar mais turistas. Em 2016, 31 mil indianos visitaram o País.

De Bollywood, a meca do cinema indiano, saem entre 1500 a 2000 produções anuais, bem mais do dobro dos filmes realizados nos estúdios de Hollywood. Portugal tem passado ao lado deste fenómeno, mas não por muito mais: este ano será palco de três produções cinematográficas, que darão nova visibilidade a Portugal na Índia. “Neste momento temos três filmes garantidos para 2017, um já em março”, revelou ao Dinheiro Vivo Ana Mendes Godinho, secretária de Estado do Turismo, no rescaldo de uma visita oficial que levou pela primeira vez Portugal ao Indian International Film Tourism Conclave (IIFTC). 75% dos filmes da indústria indiana são consumidos internamente.

 

Portugal quer ver-se representado nas telas e ter, assim, um novo cartão-de-visita num país que ainda envia poucos turistas a Portugal – 31 mil pessoas em 2016. “O Bollywood é uma forma fácil de chegar a muitas pessoas ao mesmo tempo, de passar uma imagem do País”, diz Ana Mendes Godinho, realçando que “para os indianos ir ao cinema é uma enorme festa, onde dançam e cantam, inclusivamente durante a exibição do filme. É um fenómeno social muito interessante”. Até aqui, contavam-se “pelos dedos de uma mão” o número de filmes feitos em Portugal. E, mesmo esses, “não promoviam o destino” porque representavam apenas pequenos trechos de dança. Portugal perdia, assim, para a vizinha Espanha ou para países como a Islândia, Suíça e Croácia, que se têm feito representar em feiras como esta – na IIFTC estiveram mais de 500 produtores este ano.

 

A promessa de mais filmes indianos rodados em Portugal chega poucos meses antes da estreia, na Índia, de The Ring, um filme de Imitiaz Ali (na foto com Ana Mendes Godinho e Luís Araújo), protagonizado por Sha Rukh Kha (na foto principal), um dos ídolos de Bollywood. Imitiaz esteve a filmar em Portugal em outubro e também marcou presença na sessão de promoção das qualidades nacionais que o Turismo de Portugal realizou em Mumbai. “Esteve ele a promover Portugal e isto é um cartão-de-visita espetacular neste momento, até porque em agosto vai estrear nos cinemas indianos o The Ring, um filme que se passa em Lisboa”, adiantou Ana M. Godinho.

 

O filme conta com a presença da conhecida fadista Cuca Roseta. Além do número de dias de luz, do clima, da diversidade do território, Portugal levou ainda na carteira para atrair o interesse de Bollywood o novo decreto-lei que prevê que produtoras estrangeiras que trabalhem em Portugal beneficiem de uma dedução à coleta do Imposto sobre o Rendimento de Pessoas Coletivas (IRC), que é apurada sobre as despesas da produção cinematográfica, igual ou superior a um milhão de euros.

Fonte: http://www.portugalglobal.pt/PT/PortugalNews/Paginas/NewDetail.aspx?newId=%7b67B4D872-848B-42F1-A66D-043F5E180623%7d



NOTÍCIAS RELACIONADAS
28/04/2017
Ericeira, Reserva de Surf
28/04/2017
Primeiro-ministro António Costa fala de leitura, liberdade e cidadania
28/04/2017
Festival de acessibilidade no Recife exibe filme gravado no Brasil e em Portugal
27/04/2017
“Os Papas em Portugal” apresentado em Lisboa
27/04/2017
"Portugal campeão europeu foi uma bela notícia para o futebol"
25/04/2017
Da arte contemporânea ao surfe, Portugal apresenta sua diversidade na Travelweek 2017