home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

09/06/2017

Lisboa vence Eurovisão das startups

A capital do país venceu na categoria de município, no concurso da Comissão Europeia que não tinha mais nenhum finalista português.

And the winner is… Lisboa. A capital do país foi a vencedora da categoria de município do concurso de empreendedorismo da Comissão Europeia, o Startup Europe Awards, considerado a Eurovisão das Startups.
 
A atribuição do prémio ao projeto “Lisboa Empreende” da câmara acabou por ser a única presença do país no evento, que teve lugar no Parlamento Europeu, já que nenhum outro projeto português figurava entre os finalistas. No total, foram dez as startups vencedoras nas categorias: criatividade, energia, fintech, saúde, informação e comunicação, smart cities, social, turismo e água. Havia ainda galardões de reconhecimento à melhor administração pública, com quatro subcategorias: município (que Lisboa venceu), província, região e organismo internacional; e também para o melhor media partner.
 
Os dez projetos vencedores tinham sido escolhidos de um total de 14 competições nacionais que tinham tido lugar ao longo de 2016, um pouco por toda a Europa. O “Lisboa Empreende” venceu porque “este projeto de micro empreendedorismo é uma parte importante de uma estratégia global de apoio ao empreendedorismo local, como um motor dinâmico da economia da cidade. Isso porque ali havia ofertas para os mais jovens, mas faltavam respostas sociais para outros públicos que procuravam novas oportunidades profissionais e novos negócios”, indica o comunicado oficial. Criada em 2013, pela Câmara Municipal de Lisboa, a iniciativa já ajudou a criar mais de 200 postos de trabalho.
 
As startups que venceram o concurso terão acesso ao programa de mentoria da Fundação Finnova e de outros parceiros, que contam com fundos europeus específicos para o setor. O evento contou com a presença do comissário português Carlos Moedas, da Investigação, Ciência e Inovação, e de Gonçalo Lobo Xavier, vice-presidente do Comité das Regiões. Durante a cerimónia foi ainda apresentado o novo relatório da Startup Europe Partnership (SEP) sobre o ecossistema empreendedor europeu, que mostra que 67 empresas portuguesas obtiveram financiamento de mais de um milhão de dólares (886 milhões de euros) desde 2000 e que concretizaram pelo menos uma ronda de investimento desde 2010.

Fonte: Portugal Global



NOTÍCIAS RELACIONADAS
16/07/2018
Portugal pretende retomar lugar no comércio bilateral [Portugal]
16/07/2018
Quer morar em Portugal? Visto de empreendedor é opção [Portugal]
16/07/2018
Sete motivos que levam ao crescimento do comércio eletrônico no Brasil [Brasil]
16/07/2018
Mulheres Empreendedoras vão mostrar sua força nos negócios durante a BMB [Brasil]
16/07/2018
Brasil lidera fluxo de investimento de mais longo prazo entre emergentes [Brasil]
16/07/2018
Empreendedorismo de impacto social cresce no Brasil [Brasil]