home > notícias

ASSOCIADOS

03/07/2017

TAP aprovou conselho de administração em assembleia geral

A TAP aprovou sexta-feira, em Assembleia Geral, a eleição dos membros do conselho de administração da sociedade para o mandato em curso, decisão que foi tomada por unanimidade e que confirma a indicação de Miguel Frasquilho como presidente do conselho de administração da companhia aérea nacional.

Além de Miguel Frasquilho, o conselho de administração da TAP passa a contar também com 11 vogais, nomeadamente Ana Pinho Macedo Silva, António José Vasconcelos Franco Gomes de Menezes, Bernardo Luís Amador Trindade, David Humberto Canas Pedrosa, David Gary Neeleman, Diogo Campos Barradas de Lacerda Machado, Esmeralda da Silva Santos Dourado, Fernando Abs da Cruz Souza Pinto, Li Neng, Humberto Manuel dos Santos Pedrosa e Maximilian Otto Urbahn.

Além da aprovação do conselho de administração, a Assembleia Geral da TAP, a primeira “após a Oferta Pública de Venda, que representou o momento definitivo de conclusão da privatização da TAP”, aprovou também, com 14.265 votos favoráveis, representativos de 100% do capital social presente, a alteração substancial aos estatutos da TAP SGPS “no sentido de melhor se adaptar à nova estrutura accionista e dotar a sociedade das ferramentas necessárias para uma gestão executiva privada, estável, coesa e alinhada com o novo conselho de administração e os seus accionistas”, refere a TAP em comunicado.

Foi ainda aprovada a conversão de parte das acções ordinárias da Sociedade em acções das categorias A e B, em resultado da negociação levada a cabo entre as duas maiores accionistas, decisão que foi aprovada com 14.265 votos favoráveis, representativos de 100% do capital social presente ou representado.

Esta foi também a primeira vez que uma Assembleia Geral da TAP contou com a participação dos trabalhadores que adquiriram acções no âmbito da Oferta Pública de Venda, processo em que se verificou uma procura 17 vezes superior à oferta.

Esta Assembleia Geral marcou também o fim de uma longa negociação entre a Atlantic Gateway e a Parpública, a qual veio permitir um alinhamento total entre estas accionistas, garantindo que “todo o foco, tanto dos accionistas e como das empresas do Grupo TAP, estará concentrado em criar as condições para o crescimento das empresas e expansão da sua actividade”, refere ainda a TAP.

Fonte: Publituris



NOTÍCIAS RELACIONADAS
18/05/2018
E-Social – Sua empresa está preparada? [Master Consultores]
18/05/2018
Tivoli Hotels & Resorts estará no Casar 2018 [Tivoli Mofarrej]
17/05/2018
Advogados do Opice Blum são convidados pelo MIT para integrar júri [Opice Blum Advogados]
15/05/2018
Quais são as profissões que estão em falta em Portugal? [Nacionalidade Portuguesa]
15/05/2018
EY mostra tendência estratégica para competir em ambiente de rápida evolução da tecnologia [Ernst & Young]
15/05/2018
Avanços na área da memória dentro do cérebro [F&F Ensino & Pesquisa]