home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

25/08/2017

Exportações de vinho crescem 10% em Portugal

No primeiro semestre, as exportações de vinho registaram um aumento de 10% em Portugal, face ao período homólogo anterior. De acordo com o Ministério da Agricultura, verificou-se um crescimento de 25% para os países fora da União Europeia, nomeadamente para mercados emergentes.

O Ministério destaca a recuperação de quotas de mercado em países como a China, onde se registou uma recuperação de 29%. Também o Brasil e Angola apresentam recuperações de 79 e 136%, respectivamente. Os vinhos portugueses estão presentes em mais de 150 países.

«A afirmação do sector do vinho nos mercados estrangeiros é uma evidência», afirma Luís Vieira, secretário de Estado da Agricultura e Alimentação. O responsável atribui o desempenho das exportações a «um cada vez maior reconhecimento da qualidade e da diversidade dos vinhos portugueses, para os quais os produtores têm seguido uma estratégia determinada de investimento na inovação».

A nível nacional, as vendas cresceram 3% nos primeiros seis meses do ano. O secretário de Estado considera que a subida no mercado interno se deve ao «crescimento do turismo, associado à recuperação do sector da restauração, que apresenta um aumento de vendas de 17,6%». No campo dos vinhos certificados, é de salientar o aumento de valor de 6,5%.

Para este ano, é esperado uma evolução positiva da produção de 10%, em linha com o crescimento da procura, refere ainda o Ministério da Agricultura.

Fonte: Portugal Global



NOTÍCIAS RELACIONADAS
13/11/2018
Governo vai reformular seguro para exportações [Brasil]
13/11/2018
Portugal registou uma das maiores descidas na taxa de desemprego em setembro [Portugal]
13/11/2018
Faturamento do setor de serviços em SP vai a R$ 29,3 bi e bate recorde [Brasil]
13/11/2018
Infraestruturas de Portugal já investiu até setembro mais que em todo ano de 2017 [Portugal]
13/11/2018
Produção na construção cresceu 4,2% em setembro [Portugal]
13/11/2018
Portugal está entre os melhores destinos para gozar a reforma [Portugal]