home > notícias

MUNDO

13/09/2017

Bondinho elétrico de Portugal “Prazeres 28” estará no Rock in Rio

Ação do Turismo de Portugal visa promover o país como destino turístico, destacando o Rock in Rio em Lisboa e os espetáculos de música que acontecem por todo o país.

O Rock in Rio deste ano terá um toque especial português. O país dos mais variados espetáculos de música marcará presença no evento carioca com a chegada do bondinho elétrico “Prazeres 28”, um dos grandes ícones culturais de Lisboa, que estará aberto à visitação em um lounge na Cidade do Rock durante todos os dias do festival (15 a 17 e 21 a 24 de setembro).

A iniciativa é fruto de uma parceira do Turismo de Portugal com os organizadores do evento. Quem apanhar o bonde poderá participar de diversas atividades para conhecer o país, reconhecido mundialmente como um dos destinos turísticos do momento.

O bondinho realizará, ainda, um verdadeiro passeio por um país moderno e diversificado, mas que mantém as suas raízes. Quem tomar assento vai conhecer um Portugal que também é festa, destacando-se a vasta oferta da programação cultural e musical, incluindo o Rock in Rio Lisboa e a sempre agitada e cosmopolita vida urbana que faz do país uma referência na Europa. 

O elétrico faz também uma viagem virtual pelas ruas históricas e pontos importantes de Lisboa no clássico trajeto do “Prazeres 28”, mas vai além e faz conhecer outras localidades e elementos culturais: a decoração inclui referências à Biblioteca de Coimbra, à Casa da Música no Porto, à guitarra portuguesa e à visão de Lisboa sobre o Tejo, além de azulejos tipicamente lusos, sem esquecer dos bons vinhos.

A atração vai incentivar os passageiros de longo curso, em trânsito por Lisboa ou Porto, a aproveitarem a passagem por Portugal para descobrir e visitar o país, podendo ficar até cinco dias numa destas cidades portuguesas – assim como Açores, Madeira e Algarve - e visitando dois lugares pelo preço de um. 
Durante os dias do evento, o “Prazeres 28” vai receber operadores e agências de viagem para promover o Rock in Rio Lisboa, que terá na capital portuguesa a sua oitava edição em 2018. A presença do “Prazeres 28” na Cidade Maravilhosa vem reforçar este intercâmbio cultural entre os dois países. 

Portugal: o país da música e a segunda casa do Rock in Rio 
A música é o pretexto ideal para os visitantes conhecerem Portugal num ambiente de total descontração e de forma divertida.  Os amantes de música encontram no país espetáculos com grandes nomes internacionais ou nacionais, além de shows mais intimistas e alternativos. Do rock ao clássico, a terra de Camões oferece uma programação musical de norte a sul.

O Turismo de Portugal tem apostado na música como um dos ganchos de promoção, de tal modo que o país é hoje reconhecido internacionalmente como um dos melhores do mundo quando o assunto é acompanhar os mais diversos tipos de espetáculos musicais. Os festivais representam um estilo de vida bem português, que alia a relação de diversão com um ambiente de harmonia e de amizade. Não é à toa que Portugal se tornou a segunda casa do Rock in Rio e realiza o festival de dois em dois anos em sua capital.

Portugal vem atraindo cada vez mais a atenção dos brasileiros como destino turístico. Em 2016, foram 624 mil visitantes, número recorde em todos os tempos. Neste ano, essa marca deve ser quebrada, já que houve um aumento de 60% só no primeiro semestre. Os atrativos do país luso são diversos, e o Rock in Rio Lisboa é certamente mais uma boa razão para visitar  terras portuguesas.

Sobre o Turismo de Portugal
Integrado ao Ministério da Economia, o Turismo de Portugal é a Autoridade Turística Nacional responsável pela promoção, valorização e sustentabilidade da atividade turística, agregando numa única entidade todas as competências institucionais relativas à dinamização do turismo, desde a oferta à procura. Com uma relação privilegiada com as outras entidades públicas e os agentes econômicos no país e no estrangeiro, o Turismo de Portugal está empenhado em cumprir o desígnio de reforçar o turismo como um dos pilares do crescimento da economia portuguesa. Foi eleito, nos últimos três anos, o melhor escritório de turismo da Europa pelo World Travel Awards (WTA).

Sobre o Rock in Rio
O Rock in Rio é o maior evento de música e entretenimento do mundo. Criado em 1985, é parte relevante da história da música mundial e soma, já, 17 edições pelas quais passaram mais de 8.5 milhões de pessoas durante 101 dias, para assistir a 1.604 atuações de artistas como Queen, Elton John, The Rolling Stone, Justin Timberlake, Bruce Springsteen, Taylor Swift, Katy Perry, Stevie Wonder, Metallica, entre outros.

Nascido no Rio de Janeiro, o Rock in Rio conquistou, não só, o Brasil como, também, Portugal, Espanha e os Estados Unidos, sempre com a ambição de levar todos os estilos de música aos mais variados públicos.

Muito mais que um festival de música, o Rock in Rio é um palco gigante de experiências, que se pauta também por ser um evento responsável e sustentável, tendo assumido o compromisso, através do projeto “POR UM MUNDO MELHOR”, de consciencializar as pessoas para o facto de pequenas atitudes no dia-a-dia serem o caminho para fazer do mundo um lugar melhor. Em 2013 o evento recebeu a certificação da norma ISO 20121 – Eventos Sustentáveis, um reconhecimento do poder realizador da marca que desenvolve diversas ações com vista à construção de um mundo melhor, como a criação de 182.500 empregos diretos e indiretos no total das 17 edições e mais de 70 milhões de reais investidos em causas socioambientais e a construção de um legado positivo para as cidades onde o evento é realizado.

Site oficial do Rock in Rio-Lisboa: www.rockinriolisboa.com

Fonte: Cunha Vaz Brasil



NOTÍCIAS RELACIONADAS
06/11/2018
A celebração de Sophia de Mello Breyner Andresen no ano do centenário
06/11/2018
Portugal e China criam laboratório tecnológico para estudar espaço e oceanos
06/11/2018
Festival literário de Viseu vai contar com dois prémios Camões
06/11/2018
Cientistas de Coimbra descobrem alternativa à base cancerígena dos plásticos
06/11/2018
Mariza é a vencedora do Prémio Luso-Espanhol Arte e Cultura 2018
06/11/2018
Prédio do Masp na Av. Paulista, projetado por Lina Bo Bardi, completa 50 anos