home > notícias

MUNDO

19/06/2018

Mariza, Noiserv e Renato Diz atuam no sábado no Central Park

Os músicos portugueses Mariza, Noiserv e Renato Diz atuam no sábado no Central Park, em Nova Iorque, Estados Unidos da América (EUA), num espetáculo integrado na programação SummerStage da Fundação City Parks.

Oespetáculo de "cinco horas, de celebração de Portugal e da música portuguesa no carismático Central Park", é de acesso gratuito, de acordo com o Arte Institute, organização sem fins lucrativos sediada em Nova Iorque dedicada à promoção da Cultura portuguesa, num comunicado hoje divulgado.

Esta é a segunda vez que a programação SummerStage inclui um dia dedicado à música portuguesa em parceria com o Arte Institute. A primeira foi no ano passado e contou com atuações dos The Gift, Dead Combo e Sofia Ribeiro.

A organização, no 'site' do SummerStage, refere-se à fadista Mariza como "uma das mais proeminentes artistas a popularizar o Fado, um género que combina narrativas cheias de alma com guitarra acústica", e a Noiserv, "que toca uma variedade de instrumentos tradicionais e curiosos", como "'homem-orquestra'".

No sábado irá ainda atuar o pianista, compositor e produtor Renato Diz, que vive em Nova Iorque.

Para o Arte Institute o espetáculo de sábado é, "sem dúvida alguma, mais um grande momento para Portugal e para a cultura portuguesa contemporânea".

O SummerStage, que se realiza desde 1986, inclui mais de 100 espetáculos em 18 parques espalhados pela cidade. Do cartaz deste ano fazem parte artistas como Talib Kweli, Broken Social Scene, Melanie Fiona, Joey Bada$$, Femi Kuti & Positive Force e Baiana System.

Fonte: Notícias ao Minuto



NOTÍCIAS RELACIONADAS
16/01/2019
Google Arts & Culture permite visitar arte portuguesa a partir de qualquer parte do mundo
16/01/2019
Prémio Literário Armando Silva Carvalho distingue escritores da lusofonia
16/01/2019
Venha deliciar-se na Feira do Queijo Serra da Estrela 2019
16/01/2019
Enoturismo. Faturação da Porto Cálem aumentou 40% no ano passado
16/01/2019
Duas marcas portuguesas de vinhos distinguidas com prémio internacional
16/01/2019
Livraria Lello celebra 113 anos