home > notícias

MUNDO

04/07/2018

Inteligência artificial, as máquinas que pensam

Tecnologia se desenvolve com rapidez e cria mais formas de robôs se parecerem com humanos. Saiba o que mais vai ser destaque neste Futurando.

A inteligência artificial está elevando a capacidade das máquinas ao nível do pensamento. E ensinar robôs a pensarem é justamente o trabalho de especialistas em AI de Berlim, a "Meca” do setor na Alemanha. O salário inicial de um profissional da área no país gira em torno dos 6 mil euros, o que é menos que nos Estados Unidos, para onde os especialistas acabam indo.

Esse é um dos destaques do Futurando desta semana, que mostra ainda uma entrevista com um dos diretores de desenvolvimento da Amazon. Ralf Herbrich, alemão nascido na zona rural da antiga Alemanha Oriental, discute proteção de dados e futuro. Sobre a possibilidade de ficamos dependentes dos serviços da tecnologia, ele é enfático: "Não posso prever”.

O que você acha então de um assistente digital? A Google quer que ele esteja nas nossas salas. O chamado "Google Assistant” é programado para realizar tarefas diárias, como ligar para as pessoas, mandar mensagem ou até bater um papo. O problema é ter certeza sobre quem tem acesso a esses dados.

Quem diria, a inteligência artificial está ganhando espaço também num universo dominado pela sensibilidade humana: a música. Composições feitas por máquinas já existem. Significa dizer que os compositores vão perder espaço? Você vai conferir na reportagem do Futurando.

O programa mostra também a a história de uma blogueira sueca de 106 anos de idade que está dando uma lição de bom humor e inteligência com suas publicações na internet. Os posts fazem sucesso, inclusive entre as crianças. O computador usado para escrever os textos, Dagny Carlsson ganhou de presente de familiares quando já tinha 99 anos.

Para terminar, o Futurando traz uma reportagem sobre gamificação, uma prática que pode ser tornar cada vez mais comum na rotina do trabalho. Empresas têm buscado a construção de um ambiente em que os colaboradores se sintam mais motivados. A alternativa: transformar o dia a dia no serviço num jogo, com equipes se empenhando juntas. Não perca!

O programa

Futurando traz novidades sobre ciência, meio ambiente e tecnologia e é produzido todas as semanas pela redação brasileira da Deutsche Welle, em Bonn, na Alemanha.

O programa é exibido, no Brasil, pelo Canal Futura às terças-feiras, às 22h30 com reprise às quartas 16h30, quintas, sábados e segundas; pela Rede Minas aos sábados, às 14h30, com reprise às sextas-feiras, às 13h00 e aos domingos às 17h; pela TV Brasil todas as terças, às 21h45, com reprise às quintas, às 3h15; pela TV Cultura aos domingos às 00h, com reprise todas as quartas às 22h30 ; pela TV Câmara Tupã todos os sábados às 18h, com reprise às terças-feiras, às 19h40 e pela TV Climatempo aos sábados às 9h30, com reprise às terças e aos domingos. Você também pode ver vídeos do programa no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro.

Futurando é transmitido ainda em Moçambique pela Rede Tim, aos sábados, às 14h30.

Fonte: DW



NOTÍCIAS RELACIONADAS
17/07/2018
Pelos labirintos de Fernando Pessoa
17/07/2018
Prêmio da Música Brasileira divulga lista dos indicados deste ano
17/07/2018
Isabel Minhós Martins é finalista de prémio literário norte-americano
17/07/2018
Summer Campus da Universidade do Algarve: uma experiência para a vida de dezenas de brasileiros
17/07/2018
Companhia de Dança quer Viseu como foco privilegiado de formação
17/07/2018
Algés volta a ser palco do NOS Alive nos próximos cinco anos