home > notícias

MUNDO

03/07/2019

Cinco projetos portugueses nomeados para os Prémios de Arquitetura Architizer 2019

Cinco projetos portugueses estão nomeados para os prémios de arquitetura da plataforma internacional online Architizer A+, atribuídos por um júri e através de votação do público, a 09 de julho.

 

A plataforma Architizer A+ avalia anualmente milhares de projetos de cerca de 100 países de todo o mundo, e entrega dois diferentes galardões — o Prémio do Júri e o Prémio Votação Popular — resultantes das escolhas de um júri e do público.

Entre os nomeados para o concurso, que reúne 80 categorias para arquitetura, surgem cinco projetos portugueses, dois deles nomeados, cada um, para duas categorias.

É o caso do “Pavilhão do Atlântico”, em Viana do Castelo, projeto do ateliê Valdemar Coutinho Arquitectos, construído em 2018, como pavilhão desportivo da autarquia, nomeado nas categorias Detalhes Plus — Arquitetura de Betão, e Desporto & Centros de Recreação.

E o projeto “Lisbon Wood”, do ateliê Plano Humano Arquitetos, finalista nas categorias de Conceitos — Plus-Arquitetura + Renovação e de Residencial de Multi-Habitação (entre cinco e 15 andares).

O projeto “Lisbon Wood”, em Lisboa, construído em 2019, consiste num conjunto de apartamentos cujo edifício original era dedicado a serviços públicos, e foi remodelado para criar uma residencial de apartamentos.

Na categoria Comércio — Escritórios Interiores está nomeado o projeto do atelier Ventura + Partners, para os escritórios da Deloitte, em Lisboa, composto por diversas áreas de trabalho, construído em 2017.

Na categoria Conceitos – Plus – Arquitetura + Cor está nomeado o projeto “House 3000”, do ateliê Rebelo de Andrade, com estatuto de casa privada, no campo, numa herdade da zona de Alcácer do Sal, construído em 2018.

Pátio do Meco”, em Sesimbra, do ateliê de Fábio Ferreira Neves, está nomeado na categoria Residencial – Casa Privada, com data de construção de 2018, e com estatuto de ‘guesthouse’.

O júri dos prémios é anualmente composto por cerca de 500 profissionais das áreas da arquitetura, do design, jornalismo, engenharia e construção.

Promovidos a nível mundial pelo sítio na Internet de divulgação de arquitetura Architizer A+, os prémios são apresentados como “o maior programa de prémios a celebrar a melhor arquitetura e produtos do ano”, e que o seu objetivo é criar “um prémio que lembre ao mundo como a arquitetura é importante.”

Fonte: Observador



NOTÍCIAS RELACIONADAS
14/07/2020
Clube Português de São Paulo comemora hoje 100 anos de fundação
14/07/2020
Grande Prémio de Romance e Novela da APE com cinco finalistas
14/07/2020
ABL firma parceria para distribuição de 4,5 mil livros
14/07/2020
Três co-produções portuguesas na competição de curtas do Festival de Locarno
14/07/2020
MP que libera R$ 3 bilhões para o setor cultural brasileiro é publicado
14/07/2020
Rede de Museus do Douro lança passaporte que dá descontos