home > notícias

ASSOCIADOS

08/10/2019

Qual o provedor de nuvem ideal para minha empresa? [Claranet]

A migração para nuvem é uma decisão que muitas empresas têm tomado para ganhar competitividade no mercado.

No entanto, a escolha do provedor de nuvem pública ideal passa por alguns aspectos importantes.

Logo, o primeiro deles é o atendimento completo das demandas internas. Além disso, é preciso que o provedor forneça escalabilidade, segurança, acessibilidade e um bom suporte técnico.

Com tantas opções de plataforma de nuvem pública existentes atualmente, saber qual melhor se adapta à sua empresa exige uma análise cuidadosa.

Por isso, a Clarane elaborou este artigo, enfatizando alguns pontos importantes que vão ajudar muitos gestores no momento de contratar um provedor de cloud pública.

Combinando a oferta de serviços de nuvem pública às necessidades da sua empresa

Como gestor, você sabe o que é importante na hora de definir o provedor ideal de serviços em nuvem para sua empresa?

De fato, poucos gestores se atentam para o detalhe, mas é essencial que o fornecedor compreenda os negócios da sua empresa e o mercado onde ela opera.

Tanto o conhecimento das questões técnicas como dos negócios pode fazer a diferença no atendimento e nas soluções que o provedor oferece a você.

Como está a saúde empresarial do seu futuro provedor de nuvem?

Este é mais um ponto-chave a avaliar e que poderá ajudá-lo na contratação de um provedor com histórico sólido no mercado.

Pense bem: você está prestes a repassar para um terceiro a responsabilidade de armazenar dados e aplicações que valem muito para sua empresa e para seus clientes.

Portanto, a empresa contratada com essa missão deve apresentar uma situação financeira estável, que a permita operar por longos anos.

Certamente, a estabilidade financeira de um provedor é importante para que se estabeleça uma relação de confiança.

Além disso, o pesquise se o seu futuro provedor conta com políticas básicas de gestão de risco, conformidade e governança corporativa.

E cabe lembrar que tais políticas devem ser passadas com total transparência para os clientes, inclusive para a sua organização.

Provedor de nuvem pública ou privada? Qual a ideal?

Essa também é uma dúvida comum de gestores e equipes de TI e DevOps. Ou seja, não basta apenas avaliar a qualidade e a confiabilidade do provedor. É necessário, também, analisar o serviço que ele oferece.

Então, entre nuvem pública ou privada, por qual você optaria? Para acertar na escolha, é preciso saber a diferença entre ambos.

Nuvem privada

A nuvem privada consiste em serviços de computação em nuvem oferecidos por uma rede interna privada.

Essa rede é usada apenas por usuários selecionados e, por isso, é um serviço mais oneroso para quem contrata.

Nuvem pública

Por outro lado, a nuvem pública é oferecida por terceiros à Internet pública. Sendo assim, pode ser comprada e usada por qualquer pessoa.

Atualmente, existem serviços de computação em nuvem gratuitos e plataformas pagas, que disponibilizam serviços sob demanda.

Assim, os clientes pagam somente pelo consumo de armazenamento, largura de banda ou de ciclos de CPU.

Hoje, um dos maiores provedores em nuvem é a Microsoft Azure, um dos parceiros da Claranet, assim como Google Cloud e AWS.

Diferencial da nuvem pública

O principal diferencial entre nuvens públicas e privadas é que você não é responsável por nenhum gerenciamento de uma solução de hospedagem em nuvem pública.

Afinal, seus dados são armazenados no data center do provedor e ele é responsável pelo gerenciamento e manutenção do data center.

Esse tipo de ambiente em nuvem é atraente para muitas empresas, pois reduz os prazos de execução nos testes e na implantação de novos produtos.

E então? Já descobriu qual a melhor solução em nuvem para sua empresa? ? É válido destacar que os provedores de nuvem pública como Azure e outros oferecem serviços de alto desempenho para empresas e operações de pequeno ou grande porte.

Para saber mais, entre em contato com a equipe de consultoria da Claranet!

 

Fonte: Claranet



NOTÍCIAS RELACIONADAS
05/12/2019
MP dá ao governo o poder de decidir quem poderá parcelar dívidas Felsberg e Pedretti Advogados e Consultores Legais
05/12/2019
MDS Brasil lança programa de relacionamento para corretores parceiros Lazam-MDS Corretora e Adm. de Seguros S.A
05/12/2019
Beneficência Portuguesa de São Paulo é certificada pelas boas práticas assistenciais BP - A Beneficência Portuguesa de São Paulo
05/12/2019
Lei Complementar nº 169/2019 – Constituição de Sociedade de Garantia Solidária e de Sociedade de Contragarantia [Gaia, Silva, Gaede & Associados - Sociedade de Advogados]
05/12/2019
APED quer sistema fiscal mais simples [Sérvulo & Associados - Sociedade de Advogados, SP, RL]
05/12/2019
Eliminando Obstáculos à Transformação Acelerada do Desempenho [McKinsey & Company, Inc. do Brasil Cons. Ltda]