home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

09/12/2019

Portal da Competitividade lançado para democratizar acesso dos fundos às empresas [Portugal]

Empresários e empreendedores poderão consultar de forma intuitiva quais os melhores incentivos para candidatar os seus projetos. Iniciativa é uma ideia do embaixador de Portugal na União Europeia que quis tornar os apoios mais acessíveis.

Numa altura em que 97% do total de fundos programados no Portugal 2020 já foram lançados a concurso, a Agência para o Desenvolvimento e Coesão e a Câmara de Comércio e Indústria de Portugal (CCIP) lançam esta segunda-feira o Portal da Competitividade, uma ferramenta que tem como objectivo apoiar as empresas e os empreendedores para melhor navegarem na complexidade de sistemas de incentivos, programas operacionais e das teias burocráticas com que se faz a gestão dos fundos estruturais europeus.

A taxa de compromisso na área das empresas já é bastante elevada mas, em jeito de “mais vale tarde do que nunca”, o portal poderá permitir uma maior democratização no acesso ao sistema de incentivos agora que o PT 2020 entra na sua recta final. E também, como sublinha Bruno Bobone, presidente da CCIP, que patrocinou a iniciativa, ainda é preciso garantir que não há verbas desperdiçadas. “Entendeu-se que a informação estava muito espalhada, de forma muito difusa e confusa, e que muitas empresas e empreendedores poderão estar a perder boas oportunidades porque não encontram essa informação, os apoios ficam muito centralizados. É uma forma de democratizar o acesso”, admitiu Bruno Bobone.

A ideia de criar um espaço onde toda a informação fosse disponibilizada de forma acessível e intuitiva foi do Representante Permanente de Portugal junto da União Europeia, o embaixador Nuno Brito, quando teve de definir como podia aplicar os 25 mil euros que a Câmara do Comércio e Indústria de Portugal lhe atribuiu, quando o galardoou com o Prémio Francisco de Melo e Torres de 2017. Este prémio distingue anualmente o chefe de missão diplomática portuguesa que mais se tenha destacado na área da diplomacia económica e, segundo Bruno Bobone, foi Nuno Brito quem teve a ideia e a Câmara do Comércio quem a patrocinou e desenvolveu.

Fonte: Publico



NOTÍCIAS RELACIONADAS
30/03/2020
Governo duplica para 400 milhões a linha de crédito para empresas
30/03/2020
Governo regulariza todos os imigrantes que tenham pedidos pendentes no SEF [Portugal]
30/03/2020
Aviões voltam a atender a capitais e outras 19 cidades brasileiras
30/03/2020
Vendas nos super e hipermercados subiram 65% entre 9 e 15 de março [Portugal]
30/03/2020
Governo lançará linha de antecipação de pagamento a fornecedores [Brasil]
30/03/2020
UE aprova flexibilização de uso de fundos para combater pandemia [Portugal]