home > notícias

ASSOCIADOS

17/02/2020

Com projetos voltados à cultura, educação e esporte, Instituto EDP beneficia 82 mil pessoas em 2019 [EDP]

Além dos programas socioeducativos já em andamento nas áreas onde o Grupo EDP atua, companhia anunciou novos projetos para 2020

O Instituto EDP, organização que há doze anos gere as ações socioambientais do Grupo EDP, beneficiou mais de 82 mil pessoas em 2019 com iniciativas sociais em nove estados onde a Companhia está presente, sendo Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins. Mais de 18 milhões de reais foram investidos em projetos voltados a Educação, Cultura, Esporte, Empreendedorismo, Desenvolvimento Social, Saúde e Geração de Renda.

Fizeram parte dos projetos de 2019 os programas como EDP nas Escolas, Futebol de Rua, Manobra do Bem, Brincando com Pipas e Caravanas do Esporte, que buscaram contribuir para o desenvolvimento humano de crianças, jovens e das comunidades como um todo. Foram 36 organizações apoiadas em 56 cidades. O Instituto doou também mais de 10 mil livros para as instituições.

A cada ano, mais pessoas se engajam aos projetos, tornando os resultados ainda mais satisfatórios e abrangentes. Outros projetos como a Caravana das Artes, no Ceará, promoveu ações educacionais com aproximadamente 3200 crianças. Já o Aprender a Crescer, em Tocantins, contribuiu para a melhoria de vida de cerca de 500 jovens. Além disso, a Grande Sacada, no Espírito Santo, priorizou a integração social. Outros  exemplos são os projetos Colo de Mãe, em São José dos Campos (SP) e o Circo Pandavas, em Monteiro Lobato (SP), que dão assistência para mães, crianças e adolescentes em vulnerabilidade social.

“Os resultados de 2019 ajudam a consolidar ações importantes que levam inclusão social e desenvolvimento social a diversas comunidades. Estamos muito felizes com as ações do Instituto e a consolidação do voluntariado na Companhia”, afirma Luiz Carlos Gouveia, diretor do Instituto EDP.

A cultura Luso-brasileira

A EDP também preza pela valorização da língua portuguesa. Nos últimos dois anos, a empresa promoveu a exposição itinerante “A Energia da Língua Portuguesa” que, utilizando a estrutura móvel de um caminhão, permitiu que visitantes conhecessem mais sobre os países que falam a língua portuguesa, as peculiaridades e diferenças do português falado no Brasil e em Portugal, bem como curiosidades sobre expressões comuns desse idioma, o quarto mais falado do mundo e o mais utilizado no hemisfério sul.

A Companhia ainda é patrocinadora Máster da restauração do Museu da Língua Portuguesa e a primeira empresa a anunciar o patrocínio de 12 milhões de reais para a restauração do Museu do Ipiranga, fechado desde 2013. A EDP também foi apoiadora das três últimas edições da FLIP – Festa Literária Internacional de Paraty e, em 2018 apoiou pelo segundo ano a Bienal do Livro de São Paulo.

Voluntariado

Em 2019, mais de 800 colaboradores participaram do programa de voluntariado da Companhia. Foram dedicadas cerca de 8 mil horas a projetos que beneficiaram mais de 55 mil pessoas em 346 organizações.

Uma das ações foi na comemoração da Semana da Energia, na qual os colaboradores foram convidados a levar informações sobre energia elétrica a diversos públicos. O tema que aborda os aspectos da eficiência, fontes, segurança e conscientização no uso, alterações climáticas, entre outros foi levado a escolas públicas, universidades, além de projetos de organizações da sociedade civil. Cerca de 100 pessoas aceitaram essa missão e ajudaram a disseminar o tema para mais de 4 mil pessoas em 15 cidades.

Participaram do processo de seleção iniciativas aprovadas pelas Leis de Incentivo Federal nas áreas de Cultura (Lei Rouanet/Cultura – Nº 8.313/91), Esporte (Esporte – Nº 11.438/06), Saúde (PRONON/Saúde – Nº Lei 12.715/12, destinadas à Oncologia, e PRONAS/Saúde – Nº Lei 12.715/12), Criança e Adolescente (Lei Nº 8069/90) e Idoso (Lei Nº 12.213).

Para saber mais sobre o Instituto EDP, acesse: www.institutoedp.org.br

Sobre o IEDP

Desde que foi fundado em 2008, o Instituto EDP investiu mais de R$ 100 milhões em projetos socioculturais, que beneficiaram cerca de três milhões de pessoas, em cerca de 400 programas espalhados por todo o País. Somente em 2019,  iniciativas apoiadas pela organização favoreceram 82 mil moradores das comunidades do entorno das áreas de atuação da Companhia. O Instituto EDP tem como responsabilidade estruturar os investimentos e as iniciativas sociais da EDP em frentes ligadas à valorização da Língua Portuguesa, à educação, ao desenvolvimento local com geração de renda, ao empreendedorismo e ao voluntariado, por meio do esporte, cultura e saúde.  

Fonte: Assessoria



NOTÍCIAS RELACIONADAS
31/03/2020
Como cuidar do que é importante em tempos de crise [Taler]
31/03/2020
Q&A – Contratos e o Coronavírus [Gaia, Silva, Gaede Advogados]
31/03/2020
Covid-19 - Prorrogação de Prazo para Pagamento de Tributos Federais [MLuis Advogados Associados]
31/03/2020
The day after corona #02 - Business Portugal e Convidadas [Business Portugal]
31/03/2020
Webinar - Coronavírus: O que muda na legislação trabalhista? [FCR Law]
31/03/2020
TAP terá um voo saindo de São Paulo para Lisboa HOJE [TAP]