home > notícias

MUNDO

18/05/2020

A ARCOLisboa este ano é virtual

A Feira de Arte que, desde 2016, pode ser vista no final de maio na Cordearia Nacional, em Lisboa, este ano só poderá ser visitada de computador ou telemóvel na mão, mas não por uma e sim por quatro semanas

A ARCOlisboa Online Edition vai estar disponível de 20 de maio a 14 de junho, através do site artco.lisboa.com, em parceria com a plataforma artsy.net, apresentando e comercializando obras das galerias selecionadas pelo Comité Organizador da feira e pelos comissários das secções Opening e África em Foco.

A esta vertente, juntam-se como já é habito - ainda que em formato digital - outras ações, como um programa de conversas entre profissionais do meio, que promete ligar a cena artística portuguesa a uma audiência nacional e internacional.

O Programa Geral de galerias conta com a participação de referências portuguesas como a Cristina Guerra Contemporary Art, Filomena Soares, Pedro Cera e Vera Cortês, para além de galerias emergentes como a Balcony, Bruno Múrias, Madragoa ou Nuno Centeno. Entre as participantes espanholas destacam-se a Elba Benítez, Elvira González, Heinrich Ehrhardt, Helga de Alvear ou Juana de Aizpuru, e entre as internacionais a Balice Hertling (Paris), Georg Kargl (Viena), Greengrassi (Londres), Marcelo Guarnieri (São Paulo) ou Sokyo (Quioto).

A secção Opening, organizada pela primeira vez pela instituição independente Kunsthalle Lissabon, é composta por uma seleção de galerias estreantes na feira, e tal como na edição de 2019, a curadora Paula Nascimento será responsável pela seleção das galerias do programa África em Foco.

Através da plataforma Artsy.net, associada ao site da feira, os colecionadores e amantes de arte contemporânea vão poder explorar a seleção de obras, que cada galeria participante preparou especialmente para este projeto digital. Nesta seção, será dado destaque às escolhas de um grupo de curadores e colecionadores convidados para a Curators and Collectiors Pick, entre os quais os curadores Luiza Teixeira de Freitas, Bruno Leitão e João Laia.

Fonte: Expresso



NOTÍCIAS RELACIONADAS
29/06/2020
Henrique Reinaldo Castanheira vence prémio literário UCCLA
29/06/2020
Teatro Maria Matos em Lisboa reabre em 15 de julho
29/06/2020
Prêmio Estação Imagem Coimbra a partir de 5 de julho com oito exposições
29/06/2020
Mostra de Cinema de Tavira celebra 20 anos entre estreias e clássicos
29/06/2020
Museu lança primeira impressão em 3D de um dinossauro português
29/06/2020
Festival de arte e música Fazunchar regressa a Figueiró dos Vinhos