home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

17/08/2020

Crédito ao consumo aumenta 40,4% num mês [Portugal]

Os novos créditos ao consumo contratados em Junho, no valor de 420,361 milhões de euros, diminuíram 26,4% face a igual mês de 2019, mas aumentaram 40,4% em relação a Maio, divulgou hoje o Banco de Portugal (BdP).

O crédito ao consumo contratado em Junho foi superior em 120,9 milhões de euros face ao de Maio, mas foi inferior em 150,7 milhões de euros em relação ao contratado em igual mês do ano passado, segundo os dados do BdP.

O novo crédito ao consumo atingiu, em Junho, 420,361 milhões de euros, menos 26,4% face aos 571,068 milhões de euros contratados em Junho do ano passado e mais 40,4% face aos 299,362 milhões do mês imediatamente anterior, mantendo a trajectória de recuperação que começou em Maio, depois de um mínimo desde Julho de 2017 de 203,066 milhões registado em Abril.

O crédito pessoal foi o que registou a maior queda, de 46,3% para 144 milhões de euros, o crédito automóvel caiu 2,2% para 221 milhões de euros e os cartões e descoberto bancário diminuíram 28,3% para 55 milhões de euros.

Quanto ao número de novos contratos, o crédito automóvel foi o único que registou uma ligeira subida de 1,7%, totalizando 16.392 novos contratos no mês em análise.

No sentido oposto, o crédito pessoal caiu 33,4%, para 25.053 novos contratos, e os cartões e descoberto bancário sofreram uma quebra de 32,2%, para 41.918.

A subida mais expressiva em número de contratos de crédito pessoal aconteceu na finalidade Educação, Saúde, Energias Renováveis e Locação Financeira de Equipamentos, que registou um crescimento de 157,9%, de 406 para 1.047.

Fonte: Público

 



NOTÍCIAS RELACIONADAS
23/11/2020
Seguros de saúde crescem 8,9% e dão gás ao sector [Portugal]
23/11/2020
Portugal em 4º lugar na produção de vinho da UE com 700 milhões de litros [Portugal]
23/11/2020
Economia cresceu 7,5% do segundo para o terceiro trimestre, diz FGV [Brasil]
23/11/2020
Setor aéreo deve recuperar 80% da atividade em dezembro [Brasil]
23/11/2020
Medicina intensiva ganha reforço de 1,5 milhões de euros por ano [Portugal]
23/11/2020
Guia de financiamento ajuda empresas interessadas em sustentabilidade [Brasil]