home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

05/10/2020

Mercado de lixo espacial traz milhões para Portugal [Portugal]

Quatro empresas portuguesas garantiram contratos a bordo da missão espacial ClearSpace One. Descolagem está prevista para 2025

São nove meses desde o lançamento até à desintegração. O ClearSpace One deverá descolar em 2025 de uma base espacial ainda a definir com o propósito de iniciar órbitas consecutivas até chegar aos mil quilómetros de altitude, onde poderá, finalmente, encontrar o destino para que foi desenhado. Só que em vez de um planeta ou um meteoro, o ClearSpace One terá como missão capturar e destruir um adaptador de satélite que ficou a pairar em torno da Terra — e que hoje é apenas um perigoso pedaço de lixo espacial com 112 quilos. A bordo desta missão, financiada pela Agência Espacial Europeia (ESA) e por investidores privados, segue tecnologia desenvolvida por quatro marcas portuguesas: Deimos, que subcontratou o ISQ — Instituto de Soldadura e Qualidade e a LusoSpace, e a Critical Software.

“Trata-se da primeira missão europeia e mundial que tem como objetivo a remoção de um objeto em órbita descontrolado”, explica Nuno Ávila Martins, diretor-geral da Deimos.

Este é um artigo do semanário Expresso. Clique AQUI para continuar a ler.

Fonte: MSN

 



NOTÍCIAS RELACIONADAS
11/01/2021
Empresas perspectivam aumento de 4,9% nas exportações em 2021 [Portugal]
11/01/2021
Governo zera imposto de importação de seringas e agulhas até junho [Brasil]
11/01/2021
Construção fecha 2020 com crescimento de 2,5% [Portugal]
11/01/2021
Poupança tem captação recorde de R$ 166,31 bi em 2020 [Brasil]
11/01/2021
Linha de apoio ao turismo alargada às pequenas empresas [Portugal]
11/01/2021
IBGE: indústria cresce 1,2% em novembro, sétima alta consecutiva [Brasil]