home > notícias

NEGÓCIOS E ECONOMIA

01/02/2021

Financiamento imobiliário com recursos da poupança cresce 57% em 2020 [Brasil]

Foram liberados R$ 124 bilhões em recursos do SBPE ao longo do ano

 

Os financiamentos imobiliários com recursos da poupança cresceram 57,5% em 2020 na comparação com o ano anterior, segundo levantamento da Associação Brasileira de Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). Foram liberados R$ 124 bilhões em recursos Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) ao longo do ano passado. 

Em 2019, os financiamentos imobiliários feitos com recursos do SBPE somaram R$ 78,7 bilhões. O volume de crédito para aquisição de imóveis, concedido em 2020, superou os R$ 112 bilhões de 2014, que era o recorde até então. 

Em dezembro de 2020, o financiamento imobiliário alcançou os R$ 17,5 bilhões, mais do que o dobro dos R$ 8,7 bilhões registrados no mesmo mês de 2019.

Do total liberado em crédito no ano passado, a maior parte – R$ 93,9 bilhões – foi usado na compra de imóveis, sendo 80% deles usados. Os R$ 30 bilhões restantes foram usados para a construção de novas unidades.

A partir do desempenho do setor, a previsão da Abecip é que os financiamentos imobiliários com recursos da poupança continuem a crescer neste ano e alcancem os R$ 157 bilhões, uma elevação de 27%.

A associação também estima uma expansão do crédito imobiliário com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Em 2020, os empréstimos a partir dos recursos do fundo chegaram a R$ 53 bilhões e, para 2021, a previsão é que o montante fique em R$ 56 bilhões.

Fonte: Agência Brasil

 



NOTÍCIAS RELACIONADAS
01/03/2021
Setor portuário movimentou 1,152 bilhão de toneladas em 2020 [Brasil]
01/03/2021
Portugal exporta mais de mil milhões de euros em medicamentos por ano [Portugal]
01/03/2021
Balança comercial tem superávit de US$ 1,152 bilhão em fevereiro [Brasil]
01/03/2021
Preços dos imóveis vão baixar, com o fim das moratórias [Portugal]
01/03/2021
Governo reabre programa de renegociação de dívidas com a União [Brasil]
24/02/2021
Um milhão de vacinas de Portugal deve chegar aos países lusófonos no segundo semestre [Portugal]