home > notícias

MUNDO

22/02/2021

As audio-coreografias para olhos fechados de Sara Anjo

Ilhas – Uma Constelação começou por estrear-se no festival Lisboa Soa. Agora que devia ser revisitada ao vivo pela coreógrafa Sara Anjo e pelo sonoplasta Artur Pispalhas, a ausência de público levou a uma maior atenção à palavra.

Por estes dias, Sara Anjo e Artur Pispalhas deveriam estar a apresentar Ilhas – Uma Constelação no espaço Penhasco (grafado PENHA SCO), em Lisboa. Mas, como todos os outros planos artísticos que passavam pela partilha presencial com o público, as intenções foram-se pela ravina abaixo. Riscadas as apresentações, sobrou a ideia de que a performance criada originalmente para o festival Lisboa Soa (e agora recuperada) pudesse, ao invés de ser liminarmente cancelada, encontrar uma outra vida.

Fonte: Publico



NOTÍCIAS RELACIONADAS
02/03/2021
Conselho Internacional de Monumentos pede investimento na cultura
02/03/2021
Pinacote exibe a Exposição OS GÊMEOS: Segredos
02/03/2021
Administração do Teatro Nacional de São João reconduzida até 2023
02/03/2021
Leonardo da Vinci - 500 anos de um gênio
01/03/2021
Rede Cultural de Sintra quer dar "maior apoio" a artistas locais
01/03/2021
Festival de Berlim de 2021 tem estreia virtual, com gênero neutro e poucos brasileiros